quinta-feira, 28 de maio de 2009

Chega de falar água!


Neste domingo 31, às três da tarde, em Nassau, nas Bahamas, serão anunciadas as cidades brasileiras que receberão jogos da Copa Mundial de Futebol de 2014. Fortaleza está no páreo. Se for uma das escolhidas, tratem as autoridades do Governo e da Prefeitura de arregassarem as mangas na realização e conclusão de obras que revertam em benefício permanente para a população e não sirvam apenas ao evento.
E, pelo amor de Deus, não mais se falem em aquário, porque o campeonato não será de natação nem de caça submarina.

8 comentários:

JC disse...

Caro Neno, com relação aos poderes (enquete) confio em nenhum, mas estou certo que a Imprensa é o quarto poder e se esse se corromper, aí sim, estaremos perdidos.

JC disse...

Neno, o Belmino deixou bem claro em seu programa esportivo que a TV Diário voltará para o satélite. Que bom !

Horácio, disse...

Hé...hé...hé...hé... ”CÁ COM MEUS BOTÕES, BOLAS EU NÃO SOU DE FERRO”. Dizer que a imprensa é o quarto poder é dizer que ela, a imprensa, se atrela, do mesmo modo, aos mecanismos de outros poderes, susceptíveis à corrupção, SENDO ESTA, sem o compromisso do arcabouço constitucional. Não existe um quarto poder, pois a imprensa não faz parte da estrutura do “Estado democrático de direito”. A imprensa é poder, sim, quando manipula massas, inverte valores sociais, a honorabilidade, pois ELA é feita dessa mesma “massa imunda” que nós somos, seres humanos.
Quantos políticos não são abençoados pela imprensa, num verdadeiro”toma lá dá cá”. Quantos não são os “operadores da imprensa” que estão a serviço de políticos, e até, de grupos empresariais, cuja única finalidade é distorcer informações e manipular à massa ignara? Verdadeiramente, nesse aspecto, a imprensa não é o 4º poder, e sim, o primeiro poder, à medida em que, tenta mostrar a falsa realidade, ao mascarar fatos e acontecimentos, em detrimento da classe proletária.

Horácio, disse...

Mas, como a postagem foi sobre os jogos de 2014, onde "Fortaleza está no páreo". Fatalmente a imprensa dará toda a cobertura. Juntamente com o "Governo e a Prefeitura, arregassando as mangas na realização e conclusão de obras que revertam em benefício permanente para a população e não sirvam apenas ao evento." Enquanto isso, não temos nenhum projeto social a longo prazo, pelo menos até 2014, e a miséria do POVO AUMENTA. E onde está a imprensa o "quarto poder"?

Danilo Maia disse...

Falando em "Falar Água" = www.submundodasenior.blogspot.com. Dá uma conferida lá.


Abraço!

neliocfj disse...

Neno,

O que sei é que será muito dinheiro enviado ao nosso rico Ceará.
Haja tentação para o bolso de muita gente fina!
Será preciso um engajamento enorme para se fiscalizar o curso e destino dado ao money.
Ah sim, tomemos cuidado para que não se aceite que raposas vigiem o galinheiro, senão...

Horácio disse...

Ninguém comenta, era o que eu esperava. Eflúvios da resignação de um povo que se contenta com a pobreza, aceitando sua fácil domestição, aderindo ao "panen et circenses", no lugar do bem estar social, aspirando a enebriante e hipnótica sensação de que tudo está bem, quando, na realidade, tudo vai mal. Depois de 2014, a miséria continua.

Musicadaboa disse...

Caro Neno.

Chega de falar água: Aquário pra que? Valha-me meu São Benedito!

O prazo conta afoito e constante como o tic-tac dos antigos relógios sem esperar por ninguém e 2014 não é lá tão distante. Mesmo já não se tratando de "programa de governo" e sim de um "evento" esportivo que não mais deixará benefícios permanentes para nossa cidade a não ser que o governo federal engorde o bolão, é preciso agir para ao menos não virar motivo de mangofa pelos gringos a nós, cabeças-chatas.

Alberto de Oliveira
http://musicadaboa-boa.blogspot.com/